Wax Lips and Hummingbirds – Gingerbread Patriots

Eu posso estar enganado, mas acho que não li sobre essa banda em nenhuma revista nacional ainda. E olha que esse album é de 2005. Quando o Sérgio me entregou o CD dos caras (embalagem de papelão com uma ilustração azul muito afude na capa) eu estava ainda deprimido com o final do Grandaddy. O Gingerbread não poderia ter aparecido em melhor hora.

Na primeira vez que eu parei para ouvir, me pareceu uma mistura do último do Belle & Sebastian com Grandaddy, o que me deixou bem empolgado, já que o Grandaddy tinha acabado. Nas semanas seguintes viciei no CD e cada vez mais ele passou a soar como Gingerbread Patriots mesmo.

As melodias são lindas, super bem trabalhadas, com teclados ricos e vozes que fazem ter vontade de desaparecer. O violãozinho com bons médios também ajuda pra caralho.

Recomendo pra caralho essa banda! Tem comunidade dos caras no Last FM,  e deve dar pra encomendar o CD. Tentem achar assim, pois conhecendo bem a competência das produtoras de show daqui, jamais teremos eles no Brasil.

6 comentários em “Wax Lips and Hummingbirds – Gingerbread Patriots”

  1. Ma que é isso? Tá dando dicas de bandas via blog? Sabe aqueles caras que você quer tirar das tuas festas? Vão ler, baixar e pensar “Ah-ha! Agora eu sei T-U-D-O que preciso saber para ir àquela festa lá…”

    Tipo eu assim ó. :p

  2. caro fogo pequeno,
    entendo tudo o que escrever e replicas. acho lindo a conversa entre pessoas feias como nós. mas pensando bem, sei o que causou toda esta perde de tempo. liberdade de expressão. essa porra fode tudo. deveríamos viver emuma sociedade stalinista onde vestiríamos uniforme e quem decidiria os hits a serem dançados e cantados é o menezes.
    perguntinha: pode me explicar quando formos almoçar como se dança strokes? tenho uma grande curiosidade de saber os pacinhos. contarei para meus coleguinhas de yazigi.

  3. Tu gosta de cachorros? Gostaria que o teu ficasse latindo ininterruptamente desde que ele acordasse até tu ir dormir, caso ele resolvesse deixar tu dormir? Claro que não ía, porque existe limite para a expressão dos seres irracionais, entende? Então.

    Quanto aos pacinhos, tu tá fazendo a crítica ao contrário. Afinal, eu estou exatamente reclamando a mina fazendo pacinhos enquanto toca rock.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *