Me orgulho dos meus amigos!

Existe uma série de coisas que faz com que nos orgulhemos das pessoas que gostemos. No caso dos amigos, coisas que eles fazem bem, idéias boas que eles tem. No caso de tu ser um pai ou uma mãe, praticamente qualquer merda que o rebento inventar de fazer.

Uma vez em mais um dos meus surtos de revolta contra o povo brasileiro, o Ivo me explicou uma coisa que tornou minha vida muito mais fácil:  “tu te irrita tanto com o povinho porque tu julga as pessoas por ti. Mas tu é inteligente, e gente inteligente costuma andar com gente inteligente, e por isso tem uma visão distorcida da realidade e se barbariza com os absurdos que o povo faz. Só que o povo não é nada inteligente”. Nem comecem a discordar porque ele tá certo. O povo é burro. Mas não é esse o ponto.

Comentei isso porque me orgulho da inteligência dos meus amigos. Ontem fui almoçar com o sérgio e comentei com ele que li no Terra “Alemão acaba com a Iris”. Eu pretendia comentar com ele que eu não entendia era como o cara podia ter pego aquele bagulho, mas a cara de mais completa perplexidade que ele fez me impediu de fazer qualquer comentário. Com uma cultura muito maior do que os amantes do BBB, o Sérgio estava tentando compreender porque diabos falar alemão poderia causar este tipo de dano aos olhos.

O conhecimento que ele precisa ter pra entender isso é realmente maior do que o do afegão médio normal brasileiro. Além disso, obviamente, a recorrência diária de absurdos publicados pelo Terra ajuda bastante a possibilidade de alguém entender algo tão fantástico.

Mas por fim, fiquei orgulhoso do Sérgio nem saber quem é o alemão, nem quem é a Iris/Siri, embora isso o impeça de entender a piada sobre ela ser a capa da edição de lançamento da revista BAGULHO.

Superphones :: site novo provisório

Como diz no post que o Marcelo colocou lá, enchemos o saco do site velho e colocamos um provisório no ar. Seguindo a idéia que tem sido a mais corrente e mais feliz em um grande número de sites de bandas pelo mundo, resolvemos usar o wordpress como base pro site. Pelo menos temporariamente.

Claro que temporariamente, quando se trata de uma banda de seis pessoas, dura muito mais tempo que o temporariamente citado naquelas gravações de operadoras de celular. Afinal são seis pessoas opinando, todas querendo chegar na melhor idéia, e ainda assim discordando o tempo todo.

Felizmente concordamos que enchemos o saco do outro site e que precisávamos de algo para por no lugar enquanto o novo não era concebido. Como o wordpress disponibiliza uma série de plug-ins legais, acho que as pessoas vão curtir o nosso site temporário. E enquanto nem o novo site nem o novo CD saem, a gente fica lá torturando as pessoas com informações faltando pedaço sobre o que anda acontecendo com as mixagens das músicas novas, ehehhe.